Quando o frio chega, muitos estados do Brasil acabam sofrendo mais as consequências da falta de cuidado com o carro no inverno, devido a temperaturas mais rigorosas. Com a queda nos termômetros, alguns problemas podem aparecer nos veículos. Durante todo o ano, é necessário ter cuidado com os veículos, para que eles estejam sempre em bom estado de funcionamento. Entretanto, no inverno, esses cuidados devem ser redobrados, visto que o frio e o tempo mais seco afetam diversos componentes do veículo. Por exemplo, a bateria, óleo, mangueiras, dentre outros.

Assim, confira abaixo algumas dicas de manutenção para que o carro no inverno esteja sempre em excelentes condições e pronto para lhe atender:

1 – Luzes

Durante o inverno, em que a visibilidade em muitas cidades é afetada, é imprescindível que a lâmpada de led automotiva estejam em pleno funcionamento. Por isso, verifique as luzes traseiras, de sinalização, freio e os faróis. Isso irá evitar que ocorram acidentes, principalmente em estradas mais movimentadas.

2 – Bateria

Por conta das baixas temperaturas, o óleo lubrificante do motor fica mais viscoso e dilata com mais dificuldade, o que acaba exigindo um pouco mais de bateria para dar partida no carro no frio. Todo esse esforço pode fazer com que a carga da bateria se esgote mais rapidamente. Nesse momento, é preciso procurar um mecânico de confiança e fazer todas as vistorias nos componentes, focando no alternador, verificando se ele está carregando a bateria corretamente. Uma dica importante para evitar danos é não dar partida no carro no inverno com rádio ou faróis ligados.

Leia também: Carros Híbridos no Brasil: modelos a venda e o que esperar

imagem para ilustrar o texto sobre cuidado com corro no inverno

3 – Abastecimento

Se o seu carro é movido a etanol, você já deve ter percebido que nos dias mais frios o motor demora um pouco mais para pegar. Isso ocorre por conta do poder calorífico do etanol ser menor do que a gasolina. Muitos automóveis Flex são equipados com o famoso tanquinho, um reservatório de gasolina localizado próximo ao motor que auxilia a partida. O sistema é acionado quando a temperatura está abaixo dos 15 graus, em média. Nesse ponto que identificamos o problema: como é difícil fazer frio, acabamos esquecendo de tomar os devidos cuidados com o tanquinho e a gasolina que estava armazenada, acaba vencendo.

O ideal é sempre trocar a gasolina do reservatório, pelo menos uma vez por ano. É recomendado também limpar o reservatório e verificar se a bomba elétrica está com o eixo quebrado. Utilize gasolina Premium que possui maior durabilidade e mais octanagem para garantir o bom funcionamento do carro no inverno.

4 – Ar-condicionado

Imagem para ilustrar o texto sobre dicas de como cuidar do carro no inverno

No frio, a última coisa que você pensa em fazer é ligar o ar-condicionado. Saiba que é importante deixar ligado pelo menos 15 minutos para que o sistema não pare de funcionar e evite a proliferação de bactérias, prevenindo o risco de rachaduras e vazamentos das mangueiras, nos vedadores e nos selos de borracha.

5 – Fluido do Radiador

É preciso estar atento a colocação do líquido correto no carro no inverno. A mistura ideal é composta por 50% de água desmineralizada e 50% de aditivo à base de etileno glicol. O líquido correto altera o ponto de ebulição e congelamento da água, evitando que ela ferva ou congele. Nunca coloque água da torneira direto no sistema.

Leia também: Filmes sobre carros: Os longas imperdíveis para quem é fã de veículos!

6 – Limpador de para-brisas

O tempo frio pode ressecar as palhetas dos limpadores de para-brisa feitas de borracha, o que faz com que percam a eficiência na limpeza do vidro. A recomendação contida na maioria dos manuais de carros é que se faça a troca da palheta a cada três meses.

Outra dica é sempre manter limpo e carregado o reservatório de água do limpador de para-brisa, principalmente com o carro no inverno. Com o tempo frio e a neblina, o uso desse equipamento tende a aumentar. Pode-se até misturar algum tipo de detergente na água, para melhorar a eficiência da limpeza do vidro.

7 – Pneus

Todos os pneus devem ser verificados uma vez por semana, tanto no frio quanto no calor.
Para locais com neve, é necessário o uso de correntes nos pneus, para diminuir o potencial de derrapagem. Por mais que não haja neve em grande parte do país, os cuidados com os pneus no inverno devem ser dobrados. Se você estiver dirigindo em um país que possua neve, essas dicas são importantes.

Imagem para ilustrar o teto sobre cuidado com o carro no inverno

O ar frio é mais denso e, por isso, o ar dentro dos pneus também condensam, o que faz reduzir sua pressão. Com a pressão mais baixa, ocorre o aumento da fricção entre os pneus e a rua, o que aumenta o consumo do veículo e desgaste.

8 – Velas de Ignição

Outro cuidado que o motorista deve ter com o carro no inverno é com as velas de ignição. Se o carro não pegar na primeira tentativa, não se recomenda que continue tentando, pois a ação pode causar encharcamento das velas. O mais recomendado, nesses casos, é desligar o carro e aguardar um tempo até que o combustível evapore por completo. Se o carro continuar não pegando, talvez seja necessária uma visita ao mecânico.

Cada fabricante recomenda um tempo diferente para a troca das velas de ignição. No entanto, a recomendação geral é realizar a troca a cada 10 mil quilômetros rodados. Se as velas apresentarem cor escura, pode indicar excesso de combustível ou presença de óleo na câmara de combustão.

9 – Aquecedor

Imagem para ilustrar o texto sobre manutenção do carro no inverno

Se o veículo possui aquecedor, limpe-o e faça a manutenção antes do inverno começar, pois ele provavelmente será usado. Durante o ano em que esse componente está fora de uso, partículas de sujeira e poeira se acumulam nas pás e nos filtros. E, caso a limpeza não seja feita, quando o aquecedor for ligado, tudo irá se espalhar pelo veículo.

10 – Pintura

Com as temperaturas baixas, algumas vezes as geadas aparecem. O gelo das geadas não faz mal a pintura do carro, é preciso esperar derreter para removê-lo com água bem fria. Essa dica vale também para quando o carro fica parado por muito tempo em um nevoeiro. Para manter a pintura em dia com o carro no inverno, é importante manter o polimento sempre em dia.

Seguindo todas essas dicas, sem dúvidas o veículo ficará bem conservado durante o inverno e não deixará o motorista na mão, o que é ainda mais incômodo durante esta época do ano. É preciso mencionar que, especialmente em locais onde o inverno é mais rigoroso, esse cuidado deve ser redobrado. Se você gostou das nossas dicas sobre como cuidar do carro no inverno, não deixe de compartilhar com seus amigos nas redes sociais. Até mais!