Para acompanhar as transformações e últimas novidades do mercado automotivo, você precisa saber o que são carros híbridos e como funcionam. Vamos conhecer essa tecnologia?

A revolução é verde e ela já está em andamento… Para nossa sobrevivência na Terra precisamos repensar nossos hábitos de consumo, principalmente no que depende dos recursos naturais. A maioria dos países já decretou o fim do uso de combustíveis fósseis, condenando o tradicional motor à combustão ao ostracismo. Para encaminhar essa transformação a indústria desenvolveu modelos híbridos, mas você sabe o que são carros híbridos?

No meio do caminho entre o carro elétrico e os tradicionais modelos movidos à gasolina, álcool e diesel, surge o carro híbrido. O modelo nasce com a proposta de fazer a ponte entre o presente e o futuro, introduzindo o modelo elétrico, mas aproveitando ainda o combustível mais popular da atualidade. Podemos dizer que o carro híbrido é um meio-termo entre consciência ambiental e praticidade.

O que são carros híbridos?

De forma geral, podemos responder a pergunta “o que são carros híbridos” como veículos que funcionam com dois tipos de motores: um elétrico e outro movido a combustão, seja etanol ou gasolina. O motor elétrico pode fazer o motor de combustão interna funcionar em baixa rotação ou às vezes mantê-lo desligando, reduzindo assim o consumo de combustível e emissões de poluentes.

Existe também uma versão mais rara de carro “elétrico” que utiliza um pequeno motor a gasolina para recarregar as baterias e aumentar a autonomia, que também é considerado um carro híbrido.

Os carros híbridos podem recarregar sua bateria de duas formas. Nos modelos mais simples e baratos, isso acontece apenas pela energia das frenagens e pelo motor a combustão, porém carros híbridos mais modernos e luxuosos permitem carregar as baterias na tomada, como em um carro 100% elétrico, nos chamados híbridos plug-in.

Podemos dizer que o carro híbrido procura combinar o melhor de dois mundos: desempenho e preservação ambiental. Isso porque os modelos convencionais, com motor a combustão, são desenvolvidos para gerar o melhor desempenho possível com uma boa autonomia, podendo rodar grandes distâncias sem ter que abastecer novamente.

Por sua vez, o aumento da potência se reflete em maior consumo e, consequentemente, maior poluição. Ao passo que o motor elétrico não emite nenhum poluente e tem um custo de rodagem menor. Mas, esses modelos costumam ter uma baixa autonomia e ainda demoram mais para voltar a rodar, pois recarregá-lo obviamente ainda demora mais do que parar para abastecer um modelo convencional.

É aí que se destaca o carro híbrido: ele combina a boa autonomia e potência do motor a combustão, com a menor emissão de poluentes e economia do propulsor elétrico, sem depender inteiramente da infraestrutura elétrica de carregamento. Para atuarem juntos, o sistema de ambos foi aperfeiçoado, obtendo o melhor resultado possível.

Leia mais: Leia mais sobre as vantagens e desvantagens do carro híbrido

Quando nasceu o carro híbrido?

Ainda que só tenham ganhado popularidade nas últimas décadas, o primeiro modelo híbrido, o Armstrong Phaeton, surgiu em 1896. Apesar da sua aparência mais tradicional, se assemelhando à uma charrete com volante, o Armstrong Phaeton foi uma das maiores inovações da indústria automotiva da sua época.

Com um motor a gasolina de 6,5 litros e 2 cilindros e outro propulsor elétrico, o híbrido podia rodar apenas com um dos dois. Infelizmente, apenas um modelo foi fabricado, e a relíquia acabou sendo leiloada em 2016 por US$ 483.400, o equivalente a R$ 1,6 milhão.

A tecnologia só voltou a ser comercializada meio século depois, em 1997 com o lançamento do Prius, o primeiro modelo híbrido a ser produzido em massa pela fabricante Toyota. Desde então várias gerações já foram lançadas, e o Prius segue como o modelo mais popular e mais vendido entre os híbridos.

Leia mais: Tudo o que você precisa saber sobre carro elétrico

Quais são os tipos de carros híbridos?

Os carros híbridos englobam três classificações: em série, paralelo e mistos. Essa diferenciação existe para informar quanto de cada motor é utilizado na movimentação do veículo.

EM SÉRIE

No carro híbrido em série os motores atuam ligados em sequência, ou em série, sendo que a saída de um alimenta a entrada do outro. Normalmente é o motor a combustão que alimenta o motor elétrico, sendo que apenas esse último atua sobre as rodas, deixando o primeiro apenas para gerar eletricidade. Também é possível que ambos estejam no mesmo eixo, mas isso torna o sistema mais caro porque requer controladores eletrônicos mais complexos.

Exemplos de modelos desse tipo: Chevrolet Volt, BMW i3 e o Opel Ampera.

EM PARALELO

Nesse tipo de funcionamento, os dois propulsores são usados para gerar a força necessária, mas apenas um deles atua, sendo que o outro o auxilia para melhorar seu desempenho.

Exemplos de modelos desse tipo: carros da Honda, como Civic Hybrid e Insight.

MISTO, OU COMBINADO

Esse é o sistema mais comum entre os modelos híbridos, usando os dois motores, de forma separada ou simultaneamente, e os dois podem atuar sobre as rodas. Se eles atuarem juntos, um se encarrega de fazer o carro andar, enquanto o outro gera a energia elétrica, tudo sendo definido instantaneamente por um computador.

Exemplos: Toyota Prius, Toyota Corolla, Lexus CT200h, Ford Fusion Hybrid.

Leia mais:  Saiba se vale a pena ter um carro a diesel

Já existem carros híbridos no Brasil?

O primeiro modelo híbrido vendido oficialmente no Brasil chegou em 2010, mas era um modelo de luxo da Mercedes-Benz. Em seguida, modelos menos caros chegaram, como o Ford Fusion Hybrid e o Toyota Prius. Na época, o preço mais barato era de mais de R $120.000. Se os veículos híbridos se tornaram uma realidade viável em muitos países, eles ainda estão engatinhando no Brasil.

Em 2017, as vendas de veículos elétricos e híbridos triplicaram no Brasil, sobretudo por conta das vendas da quarta geração do Toyota Prius. Outro modelo muito bem aceito no mercado brasileiro foi o Toyota Corolla Híbrido, lançado no final de 2019, e que utiliza exatamente o mesmo sistema de propulsão do Prius, mas agora em um carro com volume de vendas bem maior e montado no Brasil.

Leia mais: Conheça as vantagens de ter um carro a gás

Bom, esperamos ter respondido sua pesquisa sobre o que são carros híbridos. Não esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos para que todos conheçam essa tecnologia!